ProveNET Sinal de Internet Inteligente!

A melhor banda larga do Ceará!

Anuncie Aqui!

Não perca tempo, anuncie já aqui!

JP Pneus

Pneus - Peças - Acessórios para Motos

Assistência Familiar Caminho do Céu

Sua Família Merece o Melhor.

Vagner Calçados

Calçados e Material Esportivo

sexta-feira, 27 de novembro de 2020

MOMBAÇA: Caminhão perde o controle e atinge casa

Na manhã desta sexta-feira, moradores de uma casa no distrito de Nova União (Zorra), foram surpreendidos por um caminhão de cor branca, placa (QXY2C47-MG), que perdeu o controle e invadiu a residência, deixando a mesma parcialmente destruída. A equipe da PM de Mombaça foi acionada, onde prontamente se deslocou até o local. Segundo relato dos moradores da casa, o acidente aconteceu por volta das 01:00h da madrugada, e no momento os mesmos estavam dormindo e por sorte não sofreram ferimentos.

O motorista do veículo, compareceu ao local e prestou apoio às vítimas e informou que acionaria o seguro do veículo, o qual cobriria os danos causados à residência. Entrando as partes em acordo, dirigiram-se a delegacia de Senador Pompeu para os procedimentos cabíveis.








quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Grupo de pediatras afirmam que aulas presenciais podem retornar durante pandemia

 Um grupo de pediatras de diversos hospitais e universidades assina uma carta na qual dizem apoiar a reabertura das escolas com aulas presenciais durante a pandemia de Covid-19. No documento, os autores apresentam artigos científicos que mostram que o retorno às atividades escolares presenciais é seguro para crianças e adolescentes, desde que medidas de proteção individual sejam implementadas.

Até a terça-feira (24), mais de 400 pediatras haviam assinado o texto. Ao todo, quase 2.000 pessoas já assinaram o documento de forma digital - pelo menos mil dessas assinaturas pertencem a médicos, segundo os autores do texto. Os organizadores da iniciativa dizem que se trata de um grupo independente de instituições de saúde e ensino.

No documento, os autores argumentam que os mais jovens muito raramente têm complicações graves da Covid-19.

Mortes de crianças por Covid-19 tem baixa porcentagem

Algumas estimativas de cientistas indicam que as mortes de crianças representam menos de 1% do total de óbitos causados pela doença. As infecções registradas nessa faixa etária no mundo todo equivalem a cerca de 2% do total, segundo a Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP) – crianças e adolescentes formam aproximadamente 25% da população mundial.

Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica

Mesmo com sintomas mais brandos na maior parte dos casos, um pequeno número de crianças desenvolve a Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SIM-P) após a infecção pelo novo coronavírus. Até outubro, o Ministério da Saúde havia registrado 375 casos da síndrome classificada como rara pelos especialistas.

O papel das crianças na pandemia

De acordo com a infectologista pediátrica Luciana Becker Mau, uma das autoras do documento, a ideia de criar a carta surgiu de um grupo com cerca de 40 pediatras que se reúne para discutir os casos e estudar o papel das crianças na atual pandemia.

"Percebemos que falta informação de qualidade para a população. Queremos fornecer subsídios para a tomada de decisões", afirma.

Segundo a médica, o documento deve ser enviado ao Ministério Público de São Paulo. Ela diz ainda que há movimentos semelhantes em outros estados que pedem apoio técnico ao grupo.

O pediatra e neonatologista Paulo Telles leu o manifesto em publicação de rede social. O vídeo já teve mais de 450 mil visualizações até a manhã desta quinta-feira (26).


(Diário do Nordeste)


Defensoria pede indenização de R$ 200 milhões ao Carrefour pela morte de Beto Freitas

 A Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul ingressou nesta quarta-feira (25) com uma ação coletiva que pede indenização de R$ 200 milhões ao Carrefour por danos morais e coletivos pela morte de Beto Freitas, 40, espancado até a morte no supermercado na quinta-feira (19).

Além do supermercado, a ação inclui o Grupo Vector, que terceirizava o serviço dos funcionários que agrediram Beto Freitas.

A ação não é em nome dos familiares. Segundo o órgão, o valor deverá ser destinado a fundos de combate ao racismo e defesa do consumidor.

"Infelizmente estamos aqui porque no último dia 19 houve uma morte brutal de um cidadão negro. A Defensoria Pública, depois de analisar os fatos, ingressa hoje com uma ação civil pública", disse Alexandre Brandão Rodrigues, subdefensor público geral.

Prejuízo social e moral

"Os fatos ocorridos na véspera no Dia Nacional da Consciência Negra e a forma como foram divulgadas as imagens das agressões sofridas abalaram de maneira demasiada toda sociedade. A ação visa reparar esse prejuízo social e moral", disse Rafael Pedro Magagnin, núcleo de Defesa do Consumidor e Tutelas Coletivas.

A ação também pede interdição do Carrefour por cinco dias para evitar possíveis "atos hostis". Além disso, cobra a fixação de cartazes em cada unidade do Carrefour informando que racismo é crime e indicando o telefone do Disque 100.

Plano de combate ao racismo

A ação pede, em dez dias, um plano de combate ao racismo e ao tratamento discriminatório para os funcionários.

"O episódio é uma conjunção dos racismos da sociedade brasileira e do racismo individual, porque ninguém soca a cabeça de um ser humano se não tiver ódio da pele negra", disse Andrey Régis de Melo, do núcleo de Defesa Criminal. "Daqui em diante a sociedade brasileira precisa mudar. Não podemos aceitar em pleno século 20 aquele retrocesso do processo civilizatório", acrescentou Melo.

Segundo Aline Palermo Guimarães, do núcleo de Defesa de Direitos Humanos, a Defensoria pede uma audiência de conciliação, para não prorrogar juridicamente o processo. "A audiência de conciliação deve ser um espaço para os interessados participarem. A ação, então, se torna um espaço de diálogo. Nossa intenção é resolver de maneira amigável para não arrastar essa ação no tempo", disse ela.


(Diário do Nordeste)


Caixa deposita 8ª parcela do auxílio para nascidos em abril nesta sexta

Nesta sexta de Black Friday, a Caixa Econômica Federal vai pagar a 8ª parcela do auxílio emergencial para os nascidos em abril. O benefício ficará disponível para compras e pagamentos online, por meio do aplicativo Caixa Tem.

Os beneficiários que aguardam outras parcelas e também nasceram em abril receberão os seus devidos pagamentos na conta digital. Os saques também serão feitos de maneira diferente para o auxílio emergencial residual. A Caixa permitirá o saque de dois ciclos de uma só vez.

Já a 9º parcela, último calendário previsto pela Caixa, denominado Ciclo 6, terá início no dia 13 de dezembro. Na data, tanto os nascidos em janeiro como em fevereiro terão acesso ao auxílio emergencial. O banco uniu alguns pagamentos nesta fase para conseguir encerrar com o programa ainda em 2020.


(Ceará Agora)


Adail Carneiro está preso em Itaitinga e ameaça revelar tudo até domingo

Vazaram nas redes sociais e nos grupos de aplicativos de celulares fotografias para fins de identificação criminal, do ex-deputado estadual e federal, Adail Carneiro. As fotos são uma praxe dos órgãos da Segurança Pública e do Sistema Penitenciário brasileiros sempre que alguém é preso e passar a ser “fichado” nos sistemas de informações das corporações policiais e penais.

Adail Carneiro, de 57 anos de idade, casado, natural do Município de Solonópole, no Sertão Central (a 276Km de Fortaleza), já é considerado um detento do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará e as fotografias foram tiradas após ele ter que se submeter às ordens e à disciplina dos presídios, sendo a primeira delas cortar ou raspar os cabelos.

Na tarde desta segunda-feira (23), o ex-deputado deixou a carceragem da Superintendência da Polícia Federal, foi fichado na Delegacia de Capturas e Polinter (Decap) e recambiado para o Centro de Triagem e Observação Criminológica (CTOC), que faz parte do Complexo Penitenciário da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), localizado na BR-116, em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

Fichado

O ex-deputado federal, preso pela Polícia Federal na última quinta-feira (19), durante a segunda etapa da Operação “KM Livre”, deu entrada na unidade prisional exatamente às 16h23, sendo imediatamente recolhido à cela 02, da Ala A do Bloco de Segurança. Recebeu o número 424.986, na condição de “recolhido”. No quesito sobre a identificação de facção, foi considerado pertencente à massa carcerária.

A transferência do ex-deputado para um presídio comum no Ceará, mesmo sendo empresário e com nível superior, aconteceu apenas 96 horas após ele ter sido preso em flagrante pela PF no escritório de uma de suas 10 empresas de locação de veículos, no bairro de Fátima, em Fortaleza. No local, os agentes federais apreenderam cerca de R$ 1,8 milhões em espécie, dinheiro de origem e destinação ainda desconhecidos. A bagatela estava escondida dentro de caixas de embalagem de TVs de grandes telas.

Delação?

A transferência do ex-deputado federal para uma unidade do Sistema Penitenciário ocorre no momento em que há expectativas de que ele faça delação premiada à PF ou à Justiça Federal sobre o que as autoridades denominaram de uma “organização criminosa” que, há mais de 20 anos, vem fraudando licitações no âmbito da Prefeitura Municipal de Fortaleza em contratos de prestação de serviços (locação de veículos) à edilidade. Os prejuízos financeiros para os cofres públicos já teriam alcançado a cifra de R$ 700 milhões.

A “Operação KM Livre” agora busca outros nomes de envolvidos no derramamento do dinheiro público através de licitações fraudadas com o uso de empresas “fantasmas” e de “laranjas”. O desdobramento, segundo já falam nos bastidores da PF e da própria Justiça Federal, será a prisão de gestores públicos, outros políticos e empresários, além daquelas que emprestaram seu nome e CPF para o esquema de malversação de verbas públicas, lavagem de dinheiro e ocultação de valores.






Homens armados invadem casa e matam sete pessoas no interior do Ceará, entre elas, uma criança

Homens armados invadiram uma casa e mataram sete pessoas — entre elas, uma mulher e uma criança de 7 anos —, em Ibaretama (CE), na madrugada desta quinta-feira (26).

Segundo a polícia, os homens estavam encapuzados e, por volta das 3 horas, entraram pelos fundos da casa, que fica no distrito de Pedra e Cal. Eles abordaram as vítimas e efetuaram os disparos. Não se sabe quantos participaram do crime.

O número de mortos foi confirmado pela equipe da Perícia Forense do Ceará, mas as identidades das vítimas ainda não foram divulgadas oficialmente. Entre as vitimas, está uma criança e seu tio. A mãe da criança também foi baleada, mas sobreviveu.

A mãe de um dos homens mortos, que preferiu não se identificar, disse ficou abalada com o fato e que não sabe o que poderia ter motivado o crime.

"Eu recebi a informação por telefone. Meu filho era quieto, ele me ajudava em casa. Acredito que ele estava aqui [na casa] e vieram matar os outros. É muito triste, não sei como a família vai resistir não", afirmou.

Investigação

Policiais que participam das investigações e estiveram no local nesta quinta relataram que o crime pode estar ligado à disputa entre facções criminosas na região. No entanto, o caso continua sendo apurado pela Delegacia Regional de Quixadá e Divisão de Homicídio.

Após a chacina, os criminosos fugiram e ainda não foram localizados. Equipes das polícias Civil e Militar realizam buscas na região para tentar localizar os suspeitos. Uma aeronave auxilia nas buscas.

Ibaretama é uma cidade com cerca de 13 mil habitantes e fica a 138 km de Fortaleza.



(G1 CE)

Halo solar no céu do Ceará chama atenção de moradores

 Um halo solar brilhou no céu cearense nesta quinta-feira (26) e chamou atenção de moradores de cidades do interior do estado.

"Achei muito bonito mesmo. Eu tinha visto outro um mês atrás, mas esse achei bem mais visível e brilhoso. Inclusive ficou bem na fotografia e no registro do celular", comenta o radialista Thiedo Henrique, que fotografou o halo.

"É um fenômeno bem interessante que desperta a curiosidade de saber o porquê ele se forma em volta do sol", diz.

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) o fenômeno é muito comum, mas muitas das vezes não pode ser visto devido à claridade do dia.

O fenômeno ocorre a partir do reflexo da luz em cristais de gelo, em altitudes acima de 12 quilômetros.

"O halo tem a ver com a incidência da luz do Sol sobre nuvens altas (cirrus). À medida que a luz bate, forma-se aquele desenho colorido", explica o meteorologista Heráclio Alves.


(G1 CE)