ProveNET Sinal de Internet Inteligente!

A melhor banda larga do Ceará!

Comercial Valéria

Comercial Valéria - Valéria Modas - Drogaria Valéria

JP Pneus

Pneus - Peças - Acessórios para Motos

Assistência Familiar Caminho do Céu

Sua Família Merece o Melhor.

Anuncie Aqui!

Não perca tempo, anuncie já aqui!

sábado, 15 de dezembro de 2018

Suspeita de ocultação de patrimônio motivou pedido de prisão de João de Deus, diz promotora

O Ministério Público Estadual de Goiás (MP-GO) informou à TV Anhanguera, neste sábado (15), que o médium João de Deus, procurado pela polícia suspeito de abuso sexual durante tratamentos espirituais, pode ter tentado ocultar o patrimônio. Conforme a promotora Gabriella de Queiróz Clementino, o órgão investiga, sob sigilo, supostas tentativas de esconder valores logo após as primeiras mulheres começarem a denunciar o líder religioso.

Segundo apurou "O Globo", o líder religioso teria retirado R$ 35 milhões de contas e aplicações financeiras desde que as primeiras denúncias de abuso sexual vieram à tona.

“A gente já tem informações de que há providências do investigado buscando ocultar patrimônio. Este fato está sendo apurado e todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas pelo MP-GO. Este viés de investigação ainda não foi aprofundado pelo MP, nosso foco agora são as vítimas e dizer para elas que todas elas terão retorno das autoridades, nenhuma delas ficará sem os cuidados das autoridades”, afirmou a investigadora.

O G1 tentou contato com o advogado de João de Deus, Alberto Toron, para tratar do assunto, mas as ligações não foram atendidas até a última atualização desta reportagem.

A Justiça decretou a prisão preventiva de João de Deus na sexta-feira (14), após mais de 300 denúncias de abuso sexual feitas por mulheres que o procuraram para receber atendimento. O médium sempre negou as acusações.

A força-tarefa do Ministério Público divulgou que já recebeu 335 mensagens e contatos por telefones de mulheres que denunciam o médium por abuso sexual. Os relatos chegaram de pessoas de seis países diferentes, além de 13 estados do Brasil e o Distrito Federal.



Fonte: G1

Ex-presidente Lula vira réu em caso de Guiné Equatorial

A Justiça Federal recebeu hoje (14) denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na qual se tornou réu por lavagem de dinheiro porque teria recebido R$ 1 milhão do grupo brasileiro ARG. Os valores teriam sido dissimulados na forma de doação ao Instituto Lula.

De acordo com o MPF, o pagamento teria sido feito depois que o ex-presidente influiu em decisões do presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang, as quais resultaram na ampliação dos negócios da empresa no país africano. A denúncia foi apresentada em novembro pela Força-Tarefa da Operação Lava Jato em São Paulo.

“A abertura de uma nova ação penal contra Lula com base em acusação frívola e desprovida de suporte probatório mínimo é mais um passo da perseguição que vem sendo praticada contra o ex-presidente com o objetivo de impedir sua atuação política por meio da má utilização das leis e dos procedimentos jurídicos (lawfare)”, disse, em nota, o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins.

Também responderá ao processo o controlador do grupo ARG, Rodolfo Giannetti Geo, que foi denunciado por lavagem de dinheiro e tráfico de influência em transação comercial internacional. Os fatos, segundo a denúncia, ocorreram entre setembro de 2011 e junho de 2012. Como Lula tem mais de 70 anos, o crime de tráfico de influência prescreveu em relação a ele, mas não para o empresário.

Denúncia

O MPF se baseou em e-mails encontrados após busca e apreensão realizada no Instituto Lula em março de 2016 durante a Operação Aletheia, 24ª fase da Operação Lava Jato de Curitiba. Segundo o MPF, o ex-ministro do Desenvolvimento do governo Lula Miguel Jorge comunicou à Clara Ant, diretora do Instituto Lula, que o ex-presidente havia dito a ele que gostaria de falar com Geo sobre o trabalho da ARG na Guiné Equatorial. Segundo o ex-ministro informava no e-mail, a empresa estava disposta a fazer uma contribuição financeira ao Instituto Lula.

Em maio de 2012, Geo encaminhou para Clara Ant, por e-mail, uma carta digitalizada de Teodoro Obiang para Lula e pediu que fosse agendada uma data para encontrar o ex-presidente e lhe entregar a original. Geo disse também que voltaria à Guiné Equatorial em 20 de maio e que gostaria de levar a resposta de Lula a Obiang.

O ex-presidente escreveu uma carta a Obiang, datada de 21 de maio de 2012, em que mencionava um telefonema entre ambos e sua crença no fato de que a Guiné Equatorial poderia ingressar, futuramente, na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. No mesmo documento, Lula informava que Rodolfo Geo dirigia a ARG, “empresa que já desde 2007 se familiarizou com a Guiné Equatorial, destacando-se na construção de estradas”. A carta foi entregue em mãos a Obiang pelo empresário.

“A denúncia não aponta qualquer ato concreto praticado por Lula que pudesse configurar a prática de lavagem de dinheiro ou tráfico de influência”, disse a defesa de Lula.

O MPF juntou à denúncia o registro da transferência bancária de R$ 1 milhão da ARG ao Instituto Lula em 18 de junho de 2012. Recibo emitido pela instituição na mesma data e também apreendido na entidade registra a doação do valor. No entanto, o MPF avalia que foi um pagamento de vantagem a Lula por influência ao presidente de outro país. A doação seria uma dissimulação da origem do dinheiro ilícito, segundo a denúncia, o que configuraria crime de lavagem de dinheiro.

A defesa de Lula nega a acusação. “A doação questionada foi dirigida ao Instituto Lula, que não se confunde com a pessoa do ex-presidente. Além disso, trata-se de doação lícita, contabilizada e declarada às autoridades, feita por mera liberalidade pelo doador”, diz o advogado de Lula.


Pastor suspeito de estuprar adolescente dentro de igreja é preso em Iguatu

Um pastor evangélico do município de Iguatu, no Centro-Sul do Ceará, foi preso por suspeita de estuprar uma adolescente de 14 anos dentro da igreja que a família dela frequentava. De acordo com a polícia, havia um mandado de prisão preventiva contra o suspeito que foi realizado no último dia 5, mas divulgado apenas nesta semana.

A delegada Monique Teixeira, da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), informou que o caso do estupro ocorreu em 2017, quando a vítima tinha 12 para 13 anos. "Os pais só tiveram conhecimento do ocorrido neste ano, porque começaram a perceber o distanciamento da filha da igreja e que ela vinha falando mal do pastor no colégio. Ao pressioná-la, ela desabou e contou o que tinha ocorrido", afirmou a delegada.

Ainda conforme as investigações da polícia, os pais da adolescente chegaram muito revoltados na delegacia e realizaram a denúncia.

Já do depoimento da vítima, a delegada informou que no dia do crime o suspeito a chamou para ir à igreja, dizendo que a sua mãe estava esperando. Chegando lá, a vítima não encontrou ninguém, a não ser o pastor, que forçou a adolescente a ter relações com ele, que depois prometeu que ia se casar com ela.

Conforme a delegada o que teve mais importância na investigação foi o depoimento da adolescente. "No crime de estupro, o que mais pesa é a declaração da vitima, porque quando ocorre esse crime, no geral é em cantos reservados. E se a gente não acreditar na fala da vítima, acaba desacreditado que o crime de estupro existe, complementou."

Investigações
Além do depoimento da adolescente, a polícia juntou nos autos mensagens de WhatsApp enviadas pelo pastor à vítima, que diziam se ela não contasse ninguém ia saber. Uma denúncia da vítima de perseguição sofrida a caminho do colégio, em que dois homens em uma motocicleta pararam e ameaçaram, também foi utilizada na investigação.

Da perseguição sofrida pela adolescente, a polícia acredita que o caso tenha relação com o irmão do pastor, que se encontra preso e responde por sete processos.

O exame de corpo de delito realizado na menina, segundo a delegada, comprovou o depoimento da vítima, havendo indicações de que ela foi violentada na época relatada no depoimento.

O suspeito se encontra preso na Cadeia Pública de Iguatu pelo crime de estupro de vulnerável. As investigações realizadas na delegacia seguem abertas, mas em processo de conclusão, segundo a delegada.



Fonte: G1 CE

Quadrilha especializada em roubo de veículos é presa no Ceará

Uma quadrilha especializada em roubo de veículos foi presa na noite desta sexta-feira (14), no município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. Segundo a Polícia Militar foram presos três homens e apreendido um adolescente.

Ainda de acordo com a polícia, o grupo era especializado no roubo de veículos e estava sendo investigado há cerca de dois meses. A última ação dos suspeitos foi realizada na última quarta-feira (12), quando roubaram uma caminhoneta.

A polícia afirmou para o G1 que, o adolescente foi apreendido com um dos suspeitos através de denúncias anônimas, quando trafegavam em uma motocicleta roubada no Bairro Sítios Novos, em Caucaia. Já os outros dois integrantes da quadrilha foram encontrados em uma casa no Bairro Padre Romualdo, após a indicação dos detidos.

Armas, drogas e desbloqueadores de veículos
Na residência, a polícia apreendeu uma arma de fogo, drogas e um aparelho desbloqueador de sinal de veículo, usado para evitar o rastreamento dos carros. A caminhoneta roubada pelo grupo também foi recuperada, ela estava em um matagal próximo a casa dos suspeitos.

O adolescente foi encaminhado para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), em Fortaleza e os outros três suspeitos ficarão detidos na Delegacia Metropolitana de Caucaia.




Fonte: G1 CE

40 municípios do Ceará estão em alerta ou risco para dengue, zika e chikungunya

No estado do Ceará, 40 cidades estão em situação de alerta ou risco de surto de dengue, zika e chikungunya, de acordo com o novo Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti(LIRAa) de 2018. Desse total, 37 estão em alerta e três em risco de surto das doenças. Outras 141 estão em situação satisfatória. A capital do estado, Fortaleza, está em situação satisfatória. No  Ceará, a maior parte dos criadouros foi encontrada em depósito de água (860), seguida de depósitos domiciliares (290) e lixo (37).

Nesta quarta-feira (12), em Brasília (DF), o presidente Michel Temer e o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, entregaram mil caminhonetes para diferentes regiões do país, como força efetiva no combate ao mosquito, no atual cenário de risco dos municípios, em relação ao mosquito Aedes aegypti. Ao todo, o Ministério da Saúde investiu R$ 109,4 milhões na aquisição dos veículos.  Com essas caminhonetes os estados e municípios podem acoplar os equipamentos de fumacê para ações locais. Na ocasião, o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, apresentou os dados do LIRAa e lançou o Sistema Integrado de Controle de Vetores (SIVector), que substituirá o Sistema do Programa Nacional de Controle da Dengue (SISPNCD) com informações georreferenciadas para o controle do Aedes aegypti e Aedes albopictus.

O presidente Michel Temer reforçou que a conexão entre governo federal, municípios e estados tem favorecido a melhora da saúde no País e a redução de casos de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. “Nos últimos tempos não tem havido notícias desabonadoras a essa atividade e assim tem sido em todos os setores da nossa administração. Esse é um momento de comemoração porque significa que os municípios brasileiros estão recebendo veículos para trabalhar pelo povo municipal”, destacou o presidente.

Ao fazer balanço dos avanços da saúde nos últimos anos, o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, destacou que, "desde 2016, o Governo Federal vem ampliando os recursos destinados à prevenção e combate ao mosquito Aedes, o que tem impulsionado o aumento da participação dos municípios no LIRAa. São investimentos em repelentes, orientações, pesquisas, e na oferta de veículos", ressaltou o ministro. Ainda segundo ele, esses investimentos têm "proporcionado aos estados e municípios a possibilidade de intensificar seus trabalhos preventivos de identificação e eliminação de criadouros do mosquito", disse Occhi.

Todas as capitais do país realizaram um dos monitoramentos de mosquito: 25 realizaram o LIRAa; e duas, armadilhas. Estão com índices satisfatórios os municípios de Curitiba (PR), Teresina (PI), João Pessoa (PB), Florianópolis (SC), São Paulo (SP), Macapá (AP), Maceió (AL), Fortaleza (CE) e Aracaju (SE). As capitais com índices em estado de alerta são: Manaus (AM), Belo Horizonte (MG) Recife (PE), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF), São Luís (MA), Belém (PA), Vitória (ES), Salvador (BA), Porto Velho (RO), Goiânia (GO) e Campo Grande (MS).

Já as capitais Palmas (TO), Boa Vista (RR) Cuiabá (MT) e Rio Branco (AC) estão em risco de surto de dengue, zika e chikungunya por apresentarem Índice de Infestação Predial (IIP) igual ou superior a 4%. As capitais Natal (RN) e Porto Alegre (RS) fizeram o levantamento por armadilha. Todas as formas de coleta de dados ocorreram no período de outubro e novembro deste ano.







sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

Seis equipes 'SAMU' do Sertão Central estão entre os 44 beneficiados no Ceará com recursos de R$ 7 mi do Ministério da Saúde

Quixadá, Quixeramobim, Boa Viagem, Pedra Branca, Senador Pompeu e Solonópole, no Sertão Central, estão incluídos na relação dos 44 municípios cearenses beneficiados pelo Ministério da Saúde com investimentos de mais de R$ 7 milhões para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). O recurso deverá assegurar o atendimento de urgência em acidentes e assistência a pacientes em situação de emergência, também na transferência para hospitais.

Segundo o governador Camilo Santana, o incentivo financeiro foi assegurado para o Estado através do presidente do senado, Eunício Oliveira, o qual  destacou que as agendas do governo cearense em Brasília também estão garantindo mais apoio da União na liberação de verbas para obras fundamentais ao desenvolvimento do Estado. Os dois representantes cearenses foram ao Ministério da Saúde, onde o ministro Gilberto Occhi assinou a portaria assegurando a liberação dos recursos.



Fonte: Diário do Nordeste

Para 75% dos brasileiros, Bolsonaro está no caminho certo, diz Ibope

Pesquisa CNI-Ibope divulgada nesta quinta-feira, 13, mostra que 75% dos brasileiros – três em cada quatro – acreditam que o presidente eleito, Jair Bolsonaro, e sua equipe estão no caminho certo em relação às decisões tomadas até o momento. De acordo com o estudo, 14% acham que Bolsonaro está no caminho errado e 11% não sabem ou não responderam à pergunta.

Os números mostram que, quanto maior a renda familiar, maior o percentual dos que acreditam que o presidente eleito está no caminho certo. O índice é de 70% entre aqueles com renda familiar de até um salário mínimo e chega a 82% entre os que têm renda familiar superior a cinco salários mínimos.

Entre os brasileiros ouvidos, 64% têm expectativa de que o governo Bolsonaro será ótimo ou bom. (Do O Povo Online com Agência Brasil)





Chove em várias cidades do Ceará nas últimas 24 horas

O começo da manhã foi de chuva em várias cidades do Ceará. O Estado registrou precipitações em três regiões nas últimas 24 horas. Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a previsão para esta sexta-feira em Fortaleza é de tempo nublado. Já no centro-norte do Estado chuvas isoladas. Nas demais regiões, há possibilidade de chuva.

Já no sábado (15), a previsão é que haverá precipitações no centro-norte. Nas demais regiões, há possibilidade de chuva, inclusive na capital cearense. No domingo (16), nebulosidade variável com chuva em todas as regiões.

A Funceme aponta chuvas em, pelo menos, 24 municípios entre as 7 horas dessa quinta-feira (13) e o mesmo período desta sexta-feira (14). Dados foram atualizados às 10h21min.

Na capital cearense, foram registrados 11,8 milímetros, no Posto Pluviômetrico de Messejana. No Posto Água Fria, foram registrados 7,6 milímetros. Na Grande Fortaleza, Cascavel marcou 20 milímetros. Itaitinga e Caucaia tiveram 17 e 13,8 milímetros respectivamente.

A região que mais concentrou chuvas foi a do Cariri. O maior volume observado no período foi em Ipaumirim, 25 milímetros. E houve chuva ainda em Beberibe (21,2 mm), no Litoral Leste. A Região da Ibiapaba também teve chuvas. Em Viçosa do Ceará, foram 14,4 mm.


Confira os municípios mais ricos e mais pobres do Ceará:

Mesmo com avanços no sentido de descentralizar a riqueza no Ceará, os cinco municípios mais ricos do Estado ainda concentram, sozinhos, quase 60% do Produto Interno Bruto (PIB) cearense. A informação integra último balanço do PIB dos municípios brasileiros divulgado nesta sexta-feira, 14, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os dados dizem respeito ao ano de 2016, o último a ser adicionado à série histórica do Instituto. Segundo o IBGE, Fortaleza concentra sozinha quase 44% de todo o PIB do Estado, em R$ 60,1 bilhões. O valor é seguido pelos produtos de Maracanaú (R$ 8 bilhões), Caucaia (R$ 5,4 bilhões), Juazeiro do Norte (R$ 4,1 bilhões) e Sobral (R$ 4,1 bilhões).

Apesar da centralização ainda marcante da riqueza nos grandes centros, o Estado teve certo no sentido de regionalizar a economia. Em 2012, quando o IBGE divulgou o último balanço do tipo, os mesmos cinco municípios concentravam 62,9% do PIB estadual. Agora, a proporção desses produtos no índice geral teve leve redução, indo para 59,2%.

Municípios mais pobres

Do outro lado da tabela, os 116 municípios mais pobres do Estado não somavam, no mesmo período, nem 10% do total do índice do Estado. Mesmo com pouca participação na economia, as mesmas cidades possuem quase 22% da população cearense.

Ao todo, as 116 cidades que ocupam parte “de baixo” da tabela somavam PIB em cerca R$ 13 bilhões. Mesmo representando o produto de 63% dos municípios do Estado, o valor soma apenas 9,91% dos mais de R$ 138,3 bilhões do valor total da economia cearense. 



Fonte: O Povo Online

Polícia apreende arsenal 'de guerra' com grupo especializado em ataques a bancos no Ceará

A polícia prendeu três pessoas que pertenciam a uma quadrilha especializada em ataques a bancos e a carros-fortes no Ceará. Com o grupo, foram apreendidas várias armas de uso restrito e munições. Entre elas, uma pistola nove milímetros adaptada para submetralhadora que, de acordo com a polícia, novidade em território cearense.

Segundo o titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), Ricardo Romagnoli, o grupo foi descoberto no último dia 7 de dezembro, no Bairro Castelão, em Fortaleza.

Ainda de acordo com Romagnoli o trio preso pertence a uma facção criminosa e um dos presos já responde por cinco crimes. As detenções foram divulgadas nesta sexta-feira (14).

“A prisão aconteceu após um trabalho investigativo da polícia especializada no último dia 7 de dezembro próximo ao Estádio Castelão. Um dos pertencentes da quadrilha foi detido e em seguida ele levou a equipe para uma residência onde se encontrava parte do grupo”, disse. “Os três tiveram participação em diversos crimes, incluindo ataques a bancos e carros-fortes. Um dos suspeitos, por exemplo, já responde por cinco crimes e o trio pertence a facção criminosa”, completou.

Ataques a bancos
Romagnoli disse também que, ao chegar à residência da quadrilha, agentes de segurança encontraram um “verdadeiro arsenal de guerra” dentro da casa. Foram encontrados dois fuzis, metralhadoras, uma pistola nove milímetros e munição. Todo material, segundo a polícia, utilizado para atacar instituições financeiras e carros-fortes dentro do território cearense.

"Um verdadeiro armamento de guerra. A polícia investiga como eles conseguem esse armamento. Fuzis, metralhadoras, submetralhadoras. Mas a polícia está trabalhando. Nós conseguimos realizar a prisão nesses últimos dias após algumas investigações. Só neste ano, já foi apreendido pela polícia, 18 fuzis com bandidos".

Todo material apreendido está na Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).




Fonte: G1 CE

Valor do DPVAT cairá 63,3% em 2019

Os motoristas pagarão menos seguro obrigatório em 2019. O Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), vinculado ao Ministério da Fazenda, aprovou hoje (13) a redução média de 63,3% do valor do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos (DPVAT) no próximo ano.

As reduções ocorrerão de forma diferenciada conforme o tipo de veículo. Automóveis particulares, táxis e carros de aluguel, veículos ciclomotores e máquinas de terraplanagem, tratores, caminhões, pick-ups, reboques e semirreboques terão o DPVAT reduzido em 71%. No caso dos automóveis particulares, a tarifa cairá de R$ 41,40 para R$ 12.

Os ônibus, micro-ônibus e lotações terão o seguro reduzido em 79%. Já o seguro para as motocicletas e motonetas, que concentram a maior parte dos acidentes de trânsito que demandam o acionamento do DPVAT, cairá menos e ficará 56% mais barato.

Combate a fraudes

Em nota, o Ministério da Fazenda informou que a redução dos prêmios tarifários foi possível porque o montante de recursos acumulados atualmente é superior às necessidades do DPVAT. A pasta atribuiu a sobra de recursos ao combate às fraudes, que levou a uma redução significativa dos sinistros, e à rentabilidade das reservas do fundo que compõe o seguro.

O ministério informou ainda que os percentuais de redução variaram de acordo com o tipo de veículo para reduzir o subsídio às motos. Apesar de concentrarem 74% das indenizações, as motocicletas correspondem a apenas 27% da frota nacional.

Em relação aos veículos de transporte coletivo, a redução foi proporcionalmente maior porque o Conselho Nacional de Seguros Privados quis privilegiar os meios de transportes coletivos, que oferecem menos riscos em relação aos meios de transporte individuais.

Segundo a Fazenda, as reservas são mais que suficientes para garantir a solvência de longo prazo do Seguro DPVAT, que paga indenizações em torno de R$ 2 bilhões por ano.

O ministério também destacou melhorias na gestão da Seguradora Líder, administradora do seguro obrigatório, o que aumentou o rigor com as indenizações e reduziu os gastos com o DPVAT.



Fonte: Agência Brasil