ProveNET Sinal de Internet Inteligente!

A melhor banda larga do Ceará!

Anuncie Aqui!

Não perca tempo, anuncie já aqui!

JP Pneus

Pneus - Peças - Acessórios para Motos

Assistência Familiar Caminho do Céu

Sua Família Merece o Melhor.

Anuncie Aqui!

Não perca tempo, anuncie já aqui!

segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Auxílio emergencial: Caixa libera saque para nascidos em fevereiro nesta terça-feira (22)

Os cearenses beneficiários do auxílio emergencial nascidos em fevereiro tem o saque liberado a partir desta terça-feira. Até lá, quando o saque em dinheiro será permitido, esses valores ainda só poderão ser movimentados por meio do app Caixa para compras, pagamentos de boletos ou contas.

Este valor é correspondente à parcela creditada na conta digital da Caixa no dia 2 de setembro. Na época, quem teve acesso à 2ª, 3ª, 4ª ou a 5ª conseguiu apenas movimentar o valor por meio do aplicativo Caixa Tem.

A próxima liberação de saque para os beneficiários do programa de ajuda durante a pandemia do coronavírus, vai acontecer no dia 29 de setembro, quando será a vez dos nascidos em março sacarem o dinheiro em espécie.




Previsão do tempo: litoral deve seguir com nebulosidade variável até quarta com predomínio de céu claro

O Ceará segue, neste início de semana, sob influência de áreas de instabilidade que se formaram sobre o oceano Atlântico e se aproximaram na costa do estado. 

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), as atuais condições ainda são, predominantemente, de estabilidade. Após precipitações passageiras sobre a faixa litorânea nas primeiras horas desta segunda (21), o estado deverá apresentar nebulosidade variável em todas as regiões, com céu mais claro entre tarde e noite.

Para terça (22) e quarta-feira (23), neste momento, a previsão é de continuidade de céu parcialmente nublado pela manhã no litoral e mais claro em todo o Ceará ao longo dia.

Calor

Com o fim de setembro e a chegada de outubro, a expectativa é também de continuidade de um tempo mais seco no centro-sul do estado, ou seja, com taxas de umidade relativa do ar variando entre 20 e 30%.

Agora na primavera, que começa amanhã, serão comuns temperaturas máximas acima dos 35°C, principalmente no período da tarde.


(Funceme)


Brasil decide entrar em aliança internacional por vacina contra Covid-19

O governo brasileiro informou nesta sexta-feira (18) que decidiu fazer parte da Covax Facility, uma iniciativa global para facilitar o acesso de países a vacinas contra Covid-19. O prazo divulgado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para que países informassem se iam aderir à iniciativa terminava na sexta.

“O governo brasileiro, após tratativas com a Aliança Gavi, confirma a intenção de aderir à Covax Facility, iniciativa inédita que tem como objetivo acelerar o desenvolvimento e proporcionar mundialmente o acesso equitativo a vacinas contra a Covid-19”, informou o Palácio do Planalto em nota que diz ainda que “a aquisição de uma vacina segura e eficaz é prioridade do governo federal”.

A Covax é uma espécie de aliança e consórcio entre países que visa garantir investimentos para pesquisa, produção e oferta equitativa de vacinas contra a Covid-19. Atualmente, a estratégia acompanha nove estudos clínicos de possíveis imunizantes.

O compromisso prevê que, caso alguma delas tenha eficácia, haja o fornecimento de doses para pelo menos 20% da população de cada país vinculado à aliança.

A medida também tem apoio de recursos de instituições e doadores internacionais, o que visa ajudar países de menor renda, segundo a OMS.

Na quinta-feira (17), a Secretaria de Comunicação (Secom) do governo havia informado que estudava “criteriosamente” a participação do Brasil na Covax Facility e que, “assim como outros países, segue em tratativas junto à Aliança Global de Vacinação para a extensão do prazo” para a adesão.

“Tal medida se faz necessária para obter mais informações sobre as condições para a aprovação regulatória, instrumento jurídico aplicável, vacinas em desenvolvimento, suas características de armazenamento e transporte logístico”, apontava comunicado de quinta. “Essas definições são especialmente importantes em um país como o Brasil, de dimensões continentais.”

Um desses fatores seria o possível custo da adesão, pelo fato do Brasil ser um dos países mais populosos — e a iniciativa prever a oferta de vacina para até 20%.

A ideia é que os países façam investimentos iniciais até 9 de outubro. Isso ocorre porque a estratégia prevê a possibilidade de que fabricantes façam investimentos precoces na capacidade de produção, aumentando a chance de uma oferta mais rápida da vacina caso haja eficácia.

Atualmente, o Ministério da Saúde já possui um acordo que prevê a compra de 100 milhões de doses de uma vacina em desenvolvimento pela Universidade de Oxford com a AstraZeneca — uma das nove vacinas cujo estudo clínico é acompanhado pela Covax.

Ainda não está claro se a medida poderá trazer uma interferência no acordo. A avaliação inicial de membros que acompanham o processo ouvidos pela reportagem é que a adesão é complementar, já que a iniciativa da Covax envolve também outras oito opções de vacinas, mas que a medida ainda precisa ser avaliada.





Ceará receberá 795 cisternas escolares para retorno às aulas presenciais

O Ceará receberá 795 cisternas escolares visando a universalização da água nas escolas públicas do Estado. O investimento total da União é de R$ 11,4 milhões e foi definido, neste mês, como medida de combate ao novo coronavírus no retorno às aulas presenciais. Segundo o Ministério da Cidadania, os recursos serão disponibilizados após o término das eleições municipais deste ano, em novembro.  

Conforme nota enviada ao Sistema Verdes Mares, os Municípios serão definidos por meio de chamada pública “a ser realizada pelo estado do Ceará, após ser submetida ao Ministério da Cidadania para avaliação e aprovação”. Os critérios de destinação são orientados pelo Censo Escolar 2018, realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP).

A macrorregião de Fortaleza é a mais adiantada no processo de retomada gradativa das atividades escolares. A partir de 1º de outubro, o governador Camilo Santana autorizou o retorno presencial para o ensino infantil da rede privada nas macrorregiões Norte, Sertão Central e Litoral Leste/Jaguaribe. Deverão ser seguidos os protocolos sanitários, com limitação a 30% da capacidade de alunos.

Recurso

Em setembro, o Governo Federal liberou um crédito extraordinário para os Ministérios da Educação e da Cidadania no valor de R$ 264,8 milhões. O recurso será usado para ações de enfrentamento à Covid-19. Do total, R$ 86,3 milhões serão usados pelo Ministério da Cidadania para garantir o acesso à água em escolas públicas rurais, tendo como prioridade as regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste. 

A medida foi publicada no Diário Oficial da União, na edição do último dia 15. 

Na ocasião, o secretário especial do Desenvolvimento Social do Ministério da Cidadania, Sérgio Queiroz, afirmou que a prioridade é a "universalização da água" para todas as escolas públicas das regiões prioritárias - Nordeste, Norte e Centro-Oeste. “Garantindo segurança alimentar para mais de 6.500 escolas do Brasil, o que também é essencial para o retorno às aulas”, pontuou.  


(Diário do Nordeste)


quarta-feira, 16 de setembro de 2020

Mombaça: Pedreiro morre após queda em obras do Colégio Divino Salvador

Um homem de 51 anos, natural de Fortaleza, morreu na tarde desta quarta (16) após sofrer uma queda na obra do Colégio Divino Salvador, onde o mesmo havia sido contratado pela empresa que presta o serviço da reforma da referida escola. A vítima estava trabalhando quando a fatalidade ocorreu.

O homem teve morte quase que imediata, não dando tempo serem prestados os socorros necessários. O IML de Tauá foi acionado ao local para a remoção do corpo.