Categorias

Fotos & Eventos (41) Futebol (18) Humor (6) Internacional (40) Mombaça (659) Nacional (295) Polícia (528) Política (92) Regional (697) Tecnologia (28)

Breaking News

Comercial Valéria

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

650 rádios AM brasileiras migraram para FM

Cerca de 650 rádios AM brasileiras completaram o processo de migração para FM e, assim, demonstraram fé no futuro do país. A opinião é do ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab.

Das 1.781 rádios AM do Brasil, cerca de 1.500 solicitaram a mudança. Nesta primeira etapa, os veículos poderão operar na faixa atual de FM, de 88 Mega-hertz (MHz) a 108 MHz.

As demais candidatas terão que esperar a conclusão do processo de digitalização da televisão, responsável por liberar espaço para todas as entidades que desejem fazer a modificação. De acordo com o ministro, quase 650 emissoras concluíram o processo. "Até o final do ano, nós vamos atingir e ultrapassar a marca de 1.000 migrações", previu Kassab.

A Bahia foi o décimo estado a participar de um mutirão para agilizar o processo de migração de AM para FM. A força-tarefa já havia contemplado Santa Catarina, em 17 de fevereiro, Minas Gerais, em 24 de março, Rio Grande do Sul, em 9 de maio, Goiás, em 31 de maio, Paraná, em 5 de junho, e São Paulo, em 23 de junho, e Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, em 24 de julho.

A mudança de faixa é uma reivindicação das emissoras AM de todo o país, que sofrem com a perda de qualidade do sinal, audiência e faturamento. Ao migrar sua operação, as rádios também podem ser sintonizadas em dispositivos móveis, como tablets e smartphones. Em cada mutirão promovido pelo MCTIC, são assinados os termos aditivos de adaptação das outorgas, um dos últimos passos do processo. Depois disso, os veículos devem apresentar um projeto técnico de instalação da FM à Secretaria de Radiodifusão do MCTIC (Serad) e solicitar à Anatel a autorização de uso da radiofrequência.



Fonte: Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário