Categorias

Fotos & Eventos (41) Futebol (22) Humor (6) Internacional (44) Mombaça (734) Nacional (353) Polícia (591) Política (107) Regional (790) Tecnologia (31)

Breaking News

Comercial Valéria

sexta-feira, 27 de abril de 2018

Polícia Militar desarticula organização criminosa interestadual de roubo de veículos

Uma operação policial realizada por equipes do Comando Tático Rural (Cotar) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) culminou com a prisão de cinco homens suspeitos de participação em um esquema criminoso, de roubo e adulteração de veículos para revenda em outras cidades. As prisões, iniciadas na tarde da quarta-feira (25) e encerradas na quinta-feira (26), ocorreram em OcaraChorozinho e Aracati. Também foram apreendidos três veículos roubados, informou a Secretaria de Segurança e Defesa Social (SSPDS).
Os suspeitos, Juarez Moreira de Souza Júnior, 45 anos, sem antecedentes, e Antônio Muniz de Sousa, da mesma idade, com passagens por receptação, Francisco Temistocles da Costa32 anos, que já respondia por lesão corporal dolosa, receptação e violência doméstica, Flares Uchoa Barbosa, 26, com passagens por roubo de veículo, receptação, associação criminosa e integrar organização criminosa e Francisco Fabrício Rebouças da Silva, 22, sem antecedentes, são apontados como integrantes de uma organização criminosa interestadual que roubava e furtava carros, além de clonar os veículos e revendê-los.
Segundo a SSPDS, os policiais militares estavam realizando patrulhamento na cidade de Ocara, quando observaram duas caminhonetes, modelo Hilux, com os capôs levantados em uma residência cercada de arame farpado.Dois suspeitos estavam ao redor dos veículos. Quando avistaram as viaturas correram para dentro da residência. Cercados, Juarez Moreira e Antônio Muniz saíram do imóvel e confessaram que entregariam os veículos para outros membros do grupo, em Chorozinho e Aracati.
Dando continuidade à ação policial foi marcada a entrega de um dos veículos em posto de gasolina, na cidade de Pacajus. Ali foram presos Francisco Temístocles e Flares Uchoa, quando se aproximaram para receber o veículo roubado. Durante a prisão eles confessaram que receberiam os veículos de seus comparsas para venderem no Rio Grande do Norte.


O último membro da quadrilha, Francisco Fabrício, foi capturado em Aracati. Ele estava esperando a outra caminhonete Hilux, roubada, já adulterada, em um posto de combustíveis. Ao ser preso confessou que levaria o veículo para um indivíduo, conhecido como Rony, em Canoa Quebrada, para que ele levasse o veículo para o Rio Grande do Norte. Na casa de Fabrício os policiais encontraram um automóvel de marca GM, modelo Spin, também roubado, já com placas clonadas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário