segunda-feira, 18 de março de 2019

Sobe para 19 número de açudes sangrando no Ceará

O Ceará tem 19 açudes sangrando nesta segunda-feira (18), de acordo com informações do Portal Hidrológico da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). Os últimos açudes a atingirem mais de 100% da capacidade foram o São Vicente, no município de Santana do Acaraú, na Região Norte; Quandú, em Itapipoca, na Região Norte; Poço Verde, em Itapipoca; Gavião em Pacatuba; e o Itapebussu, na cidade de Maranguape, na Grande Fortaleza.

Os açudes com volume superior a 100% da capacidade no estado são: Acaraú Mirim, em Massapê; Jenipapo, em Meruoca; São José I, em Boa Viagem; Diamantino II, em Marco; Itaúna, em Granja; Gangorra, em Granja; Tucunduba, em Senador Sá; Gameleira, em Itapipoca; Batente, em Ocara; Cauhipe, em Caucaia; Cocó, em Fortaleza; Germinal, em Palmácia; Maranguapinho, em Maranguape e Tijuquinha, em Baturité.

Outros 20 açudes estão com sua capacidade acima de 90%. Por outro lado, existem 96 reservatórios que estão com volume inferior a 30%, segundo a Cogerh.

Situação dos principais açudes
Os maiores açudes do Ceará seguem em situação crítica. O Castanhão, principal reservatório a abastecer a Grande Fortaleza, tem apenas 3,57% da capacidade máxima. Já o Orós, segundo maior açude do estado, tem 5,28% do volume máximo.



Fonte: G1 CE

0 comentários:

Postar um comentário