quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Grupo arrasta adolescente para rua e a agride, em Pindoretama

Uma adolescente de 16 anos foi arrastada para o meio da rua e agredida com socos, pontapés e teve os cabelos puxados, nesta quarta-feira (20), em Pindoretama, Região Metropolitana de Fortaleza.

A ação foi gravada por meio de um aparelho celular e o vídeo circula nas redes sociais. Nas imagens, é possível ver que pelo menos cinco mulheres cercam a vítima, a agridem e a derrubam no chão, onde ela recebe os chutes. Em alguns momentos a vítima tenta se levantar mas é impedida pelo grupo.

De acordo com a polícia, a vítima relatou em depoimento que a agressão foi motivada por ciúmes devido a um relacionamento amoroso que ela possui. Os responsáveis pelas agressões já foram identificadas. A Delegacia Metropolitana de Pindoretama instaurou um inquérito policial para investigar o crime de lesão corporal cometido contra a jovem.

Polícia investiga agressão em Fortaleza
A Polícia Civil do Ceará também investiga a agressão a uma mulher que teve o cabelo cortado à força por outras mulheres na comunidade do Oitão Preto, no bairro Moura Brasil, em Fortaleza, no último dia 23 de outubro. A vítima não aparece na comunidade desde o dia da agressão, e as agressoras estão foragidas, segundo a polícia.

Travesti presa 
A travesti Weshley, com nome civil de Francisco Wezio Fernandes Lino,19 anos, foi presa na manhã desta quarta-feira (20) suspeita de filmar o espancamento e morte de Maria Elailane do Nascimento em maio deste ano. Elainane foi encontrada dentro de uma casa com sinais de espancamento, apedrejamento e lesões a facas. 


(Diário do Nordeste)

0 comentários:

Postar um comentário