terça-feira, 18 de agosto de 2020

Ceará recebe último lote do total de 700 respiradores para tratamento de pacientes da Covid-19

Uma carga com 45 respiradores para tratamento de pacientes da Covid-19 chegou a Fortaleza nesta segunda-feira (17). As unidades fazem parte do lote final de 700 respiradores adquiridos no exterior. Até o fim desta semana, outros 40 equipamentos desembarcam na capital cearense para serem distribuídos aos hospitais e unidades da rede pública estadual.

Até o momento, o Estado recebeu 600 unidades do equipamento, que foram instaladas nos quase 3 mil leitos criados exclusivamente para receber pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Mais de 900 leitos são de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Os respiradores também vão ajudar a rede de saúde dos municípios cearenses.

De acordo com o governo estadual, esse é o sexto avião que desembarca no Ceará com carregamentos para ajudar no combate a pandemia. Além dos respiradores, o estado recebeu desde abril equipamentos de proteção individual (EPIs) e insumos hospitalares, totalizando mais 260 toneladas de materiais para o enfrentamento da doença epidêmica.

Cenário da Covid-19 no Ceará
O Ceará chegou a 198.252 casos confirmados e 8.172 mortes causadas pela Covid-19, segundo dados da plataforma IntegraSUS, atualizada às 17h33 desta segunda-feira (17). Já são 169.373 pessoas recuperadas da enfermidade.

O Estado tem ainda 87.799 casos suspeitos. O número de casos notificados desde o início da pandemia é de 581.397 Já foram realizados 561.448 testes para identificar o novo coronavírus.

Cidades
As maiores incidências de casos confirmados da Covid-19 são registradas em Acarape (8.935,6), Frecheirinha (7.745,9), Groaíras (6.125,8), Chaval (5.953) e Moraújo (5.376).

Fortaleza contabiliza 44.974 casos confirmados e 3.758 óbitos, com uma incidência de 1.684,8.

Juazeiro do Norte, no Cariri, concentra 12.645 diagnósticos positivos, 244 mortes e 4.611,5 de incidência.

Em Sobral, na Região Norte, 10.610 pessoas já se infectaram e 294 não resistiram à doença. A incidência na cidade, que avançou para a fase 3 do plano de reabertura econômica nesta segunda-feira, é de 5.078,1.

Na macrorregião da capital, Maracanaú registra 5.888 casos, 234 mortes e 2.583,7 de incidência. Caucaia, a segunda cidade em número de mortes, tem 5.385 diagnósticos positivos, 326 óbitos e uma incidência de 1.490.


(G1 CE)

0 comentários:

Postar um comentário