Vagner Calçados

terça-feira, 7 de dezembro de 2021

PF realiza operação contra lavagem de dinheiro e desvio de recursos no Ceará

A Polícia Federal realiza, na manhã desta terça-feira (7), a Operação “Fruto de Espinho 2”, para abrir um inquérito policial que apura fraude em licitação, lavagem de dinheiro e desvio de recursos públicos federais do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) em Juazeiro do Norte, no Cariri cearense.

Ao todo, 15 policiais federais cumprem três mandados de busca e apreensão em domicílios investigados em Fortaleza e Jati, no interior do Ceará. Estão sendo apreendidas mídias, celulares e documentos.

As investigações começaram em 2019, com indícios de um esquema criminoso que beneficiou uma empresa que recebeu quase R$ 6 milhões e 300 mil com dois processos sem exigência de licitação da prefeitura de Juazeiro do Norte nos anos de 2017 e 2018, com possível favorecimento ilícito de agentes políticos e lavagem de dinheiro.

Nesta segunda fase da operação da Polícia Federal, são investigados os crimes de corrupção e lavagem de dinheiro em virtude da aquisição de apartamentos no bairro Lagoa Seca, em Juazeiro do Norte, e a destinação de unidades, ou equivalente em dinheiro, como forma de propina a um ex-prefeito da cidade.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de lavagem de dinheiro, estelionato qualificado, corrupção ativa e passiva e peculato. O nome da operação remete à árvore que motivou o nome da cidade de Juazeiro do Norte – jua, iu-à ou “fruto de espinho”.


(GCMAIS)


0 comentários:

Postar um comentário